Crítica| Luca – Nova animação da Pixar tem sabor de férias de verão

Poster Nacional Luca

Luca (2021) é a mais nova animação da Disney PIXAR dirigido por Enrico Casarosa que estreia dia 18 de Junho no Disney+, aberto já para todos os assinantes, diferente dos últimos filmes como Cruella, Mulan e Raya, e se passa em uma cidade costeira Italiana, chamada Portorosso. No filme acompanhamos Luca (com a voz de Jacob Tremblay – Quarto de Jack) e Alberto (Jack Dylan Grazer – Shazam!) passando um verão juntos, recheado de massas, gelatos e expressões italianas (duvido você sair do filme sem querer sair por ai falando “Santa Mozzarella!”) e contam com a nova amiga

Giulia (a estreante Emma Berman) para também descobrirem tudo sobre amizade, crescimento e sonhos, do jeitinho que somente a PIXAR sabe fazer, fazendo com que o filme seja para todas as idades, desde as cores e diversão, até os ensinamentos e os momentos mais “sentimentais”. Porém eles têm um segredo que somente a água pode revelar.

Luca e Alberto são Monstros Marinhos, não exatamente tritões, mas quando “secos” se tornam em humanos normais. Luca é o descobridor, experimentados novas coisas e sendo cuidadoso nas suas escolhas, enquanto Alberto é o “sabe-tudo”, aventureiro que está sempre arrumando alguma confusão. Os dois criam um sonho de juntos terem uma Vespa (uma scooter tradicionalmente italiana), mas para isso precisam vencer a grande Copa de Portorosso, um desafio anual da cidade que consiste em nadar, comer e andar de bicicleta (nada mal, não é?), claro que não podem fazer isso sozinhos, então contam com a ajuda de Giulia para juntos acabarem com o reino de terror de Ercole o “Senhor Vespa”.

Luca é uma história clássica da PIXAR, misturando qualidade gráfica com mensagens profundas trazendo em alguns momentos aquele quentinho no coração, e em outros aquela crise existencial (nesse filme até um pouco menos do que alguns outros, sim estou falando de vocês UP e Divertidamente), o filme é lindo de se ver e bastante divertido garantido com o selo Disney PIXAR como um ótimo programa em família e trazendo uma vontade irresistível de pegar as malas e ir para a Riviera Italiana andar de Vespa, comer massa e gelato até dizer chega, Santa Mozzarella!

Nota Final: 8/10

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: