Morre Zé do Caixão, aos 83 anos

O cinema brasileiro está de luto. No final da tarde desta 4a feira, 19 de fevereiro de 2020, faleceu o cineasta, diretor e mestre do terror brasileiro José Mojica Marins, conhecido como Zé do Caixão.

O motivo do falecimento foi uma bronvopneumonia. A informação foi confirmada pela filha do cineasta, Liz Marins, à Folha de São Paulo.

Zé do Caixão fez muito sucesso mas décadas de 1970 e 1980, amado pelo público brasileiro. Em 2011, ele foi homenageado no Carnaval carioca pela Unidos da Tijuca, através do enredo “À meia-noite levarei sua alma”, de Paulo Barros, inspirado em um dos filmes mais populares do diretor, “Esta noite Levarei Sua Alma”.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: